10 Dicas para Desenvolver a Autoconfiança

A autoconfiança é um sentimento importante para todas as áreas da vida.

1.Tenha iniciativa, faça.

Pessoas com autoconfiança têm atitude e fazem coisas, pois elas sabem o quanto perdem ao deixar de fazer. Para que as coisas aconteçam na sua vida, você precisa sair da sua zona de conforto. Muitas vezes você sabe o que fazer, mas te falta coragem. Outras vezes você coloca empecilhos e desculpas para não ir ou não fazer aquilo que você identifica como um caminho. É preciso buscar coisas e pessoas diferentes. Se exponha a uma entrevista mesmo que ache que não vai passar; Faça a apresentação na escola ou trabalho, mesmo achando que não é bom nisso. Se prepare, estude e encare.

2.Ninguém nasce sabendo, mas todos são capazes de aprender.

Reconheça que existem situações que você vai precisar treinar mais para atingir o objetivo. Planeje cada etapa do seu desenvolvimento. Analise o que você precisa aprender e divida em etapas. Essa habilidade tem algum pré-requisito? Algo que você deveria aprender antes? Não adianta você só olhar e esperar o resultado final. Construa o caminho.

3.Seja persistente. 

Não desista sem tentar de diferentes formas. Muitas vezes, nós precisamos tentar mais de uma vez para alcançar os objetivos e sonhos. Use os obstáculos como oportunidades de crescimento. Se desafie, se supere. Mostre a você mesmo o quanto é capaz.

4.Você tem limitações, mas isso não significa que você não é capaz.

Analise o comportamento alvo e veja quais habilidades precisa desenvolver antes para chegar até o objetivo final. Trabalhe em cima das suas limitações e dos seus pontos fortes. Como os seus pontos fortes podem ajudar a superar e desenvolver essa limitação?

5.Supere o medo.

Todos nós temos medos, mas, muitas vezes temos medos irracionais ou incoerentes. Analise-os. Observe mais a fundo esses medos. Questione: “Por que eu tenho medo disso?”; “Qual é a consequência se isso acontecer?”, “Será mesmo que eu não sei lidar com isso ou estou sofrendo por antecedência?”, “Mesmo com medo, eu sei que sou capaz e eu vou tentar”.

6.”O não você já tem”.

Por que deixar de tentar?  Não pré-julgue uma resposta sobre algo que você nem tentou. E se não der certo, o que você pode aprender com isso? É um problema receber um “não” da vida? Não passar em uma seleção profissional, não passar em um vestibular ou levar um fora de quem você gosta pode ensinar muito sobre a forma como você está tentando.

Errar faz parte da vida. Pessoas autoconfiantes encaram o erro como uma possibilidade de aprendizado.

7.Não tema o erro.

Aceite que você vai errar. Faz parte da vida. Errar é inerente ao ser. Todos nós erramos e vamos continuar errando. O erro é uma das formas mais comuns de aprendizados. Se questione o por quê de temer tanto ao erro. Pessoas com autoconfiança sabem que faz parte do processo de crescimento amadurecer com as próprias experiências erradas.

8.Ações iguais, resultados iguais. Ações DIFERENTES, resultados DIFERENTES.

Varie seus comportamentos. Analise os seus atos. Se você quer que algo saia diferente, mude as suas ações, crie novas estratégias e siga os passos anteriores. Para desenvolver a sua autoconfiança você precisa se comportar diferente e ver os resultados da sua mudança. Olhe para você mesmo com mais carinho e cuidado. Não se julgue tanto. Experimente mais. Seja corajoso.

9.Aprenda.

As situações nos ensinam muito. Aprendemos por observação, por tentativa e erro, por instrução. Todas as situações são novos aprendizados. Observe cada situação delicada da sua vida e veja o quanto elas trouxeram oportunidades e aprendizados. No mínimo você aprendeu a não repetir o erro. Além disso, você pode aprender e amadurecer com essas diferentes experiências vividas.

Coragem e autoconfiança andam juntos.

10.Valorize as suas experiências.

Com sucesso ou insucesso, valorize os seus feitos. Eles nos mostram o quanto somos capazes, o quanto nos superamos e crescemos nas vivências mais adversas. Os momentos difíceis nos proporciona reflexões. Mulheres e homens autoconfiantes valorizam e são gratos por suas experiências de vida.

Veja também: 05 Dicas para Desenvolver a Autoestima.

Imagens: FreepikPinterest

Escrito por Psicóloga Camila Reis (CRP 06/112110) em 16/05/2016.